PUBLICIDADE

Além do Nordeste, Minas Gerais recebe liberação para importar vacina russa Sputnik V

A informação foi comemorada pelo governador do estado.

Há poucas semanas atrás, o “Consórcio Nordeste” conseguiu liberação para compra de doses da vacina russa, a Sputnik V. Agora, o governo do estado de Minas Gerais conseguiu também a aprovação e vai comprar mais de 400 mil doses.

PUBLICIDADE

A exemplo do que aconteceu com os estados do nordeste, Minas só vai poder comprar o equivalente a 1% da população do estado, que da 428 mil doses. O estado ainda não vai poder aplicar as doses compradas, estágio que depende de uma nova avaliação da Anvisa.

A Anvisa autorizou a nossa solicitação de importação de 428 mil doses da vacina Sputnik. Mas, agora, o fundo soberano russo vai junto com a Seplag dar a data da entrega, que eu espero que seja o mais breve possível“, comemorou o governador do estado.

A vacina russa esta em fase de avaliação da Anvisa, mas depende ainda de alguns detalhes para ter a aplicação aprovada no país. O que acontece é que a agência é uma das mais criteriosas do mundo, o que garante um processo seguro.

PUBLICIDADE

No entanto, a vacina russa já vem sendo usada em alguns lugares do mundo, como é exemplo de Argentina e Uruguai. Para reduzir danos, agência tem aprovado a compra de pequenos lotes da vacina.

Por enquanto, o Brasil vacina com imunizantes da CoronaVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen. Caso tenha o uso aprovado, a Sputnik 5 se tornará o quinto imunizante a ser usado no país.

PUBLICIDADE

Autor