PUBLICIDADE


Após quase morrer, Tati Minerato diz que foi salva pelo SUS e mostra fotos chocantes

Tati Minerato foi socorrida no hospital público de São Paulo e disse que foi salva pelo SUS.

A rainha da escola de samba Águia de Ouro passou por momentos tensos e de muita luta pela vida quando se submeteu a um procedimento cirúrgico que a deixou por vários dias em um leito de hospital.

PUBLICIDADE


O procedimento mal sucedido foi realizado no dia 18 de maio deste ano e no mês seguinte, começaram a surgir as complicações que resultaram na sua internação no Hospital Ipiranga, na grande São Paulo, por 10 dias.

Em entrevista, a famosa revelou que pagou o total de R$ 14 mil pela realização da lipoaspiração na região da cintura, mas além desse procedimento, ela fez também a troca das próteses de silicone.

Ao notar que a cicatriz embaixo do seu peito estava abrindo, Tati comunicou imediatamente ao cirurgião, o médico Felipe Tozaki e se dirigiu ao consultório. Após constatar a deiscência de sutura, o medico refez o processo somente com anestesia local, causando-lhe dores insuportáveis.

PUBLICIDADE


Depois disso, a modelo começou a apresentar piora em seu quadro clínico, com febre alta e manchas por todas as partes de seu corpo, como mostra nas fotos abaixo. Tati disse que o cirurgião plástico não mais lhe deu mais assistências e agradece ao SUS que salvou sua vida no Hospital Ipiranga.

PUBLICIDADE


A mãe de Tati Minerato, disse que sua filha correu sério risco de ter uma infecção generalizada, mas com o atendimento humanizado e com a competência da equipe médica do hospital público a mesma se recuperou.

Autor