PUBLICIDADE


Após suposto vazamento, filha de Queiroz deixou repasse

Extratos bancários indicaram que Nathália devolvia parte do salário em suposto esquema.

Mais um capítulo do polêmico esquema das “rachadinhas” que toma conta dos noticiários políticos do país. Agora, a pessoa envolvida no mesmo é a filha de Fabrício Queiroz, Nathália Queiroz.

PUBLICIDADE


Tudo veio à tona nesta quinta-feira (13) quando foi descoberto que Nathália Queiroz, que é personal trainer, fez a interrupção de alguns repasses financeiros para o seu pai, Fabrício Queiroz. Essa interrupção aconteceu poucos momentos após um suposto vazamento de informações.

A tal divulgação das informações era sobre uma investigação acerca de Flávio Bolsonaro (Repuclicanos – RJ). Quem noticiou essa reportagem em primeira mão foi o jornal Folha de São Paulo.

Esse suposto vazamento que envolve a personal trainer diz respeito ao inquérito que fazia a apuração do envolvimento do gabinete do filho de Jair Bolsonaro na Assembleia Legislativa do RJ, que ocorreu quando Queiroz tinha o cargo de chefe de gabinete.

PUBLICIDADE


A filha de Queiroz recebia salário de Jair Bolsonaro, enquanto ele era deputado federal na Câmara. Alguns extratos bancários podem fazer a comprovação de que ela fazia a devolução de parte de seu salário para abastecer esse suposto esquema de rachadinha.

Esses extratos mostram que durante 12 anos Nathália Queiroz recebia seu salário e repassava parte dele. A última transferência realizada pela personal trainer aconteceu no dia 21 de setembro do ano de 2018. Essas informações fazem parte dos dados da quebra de sigilo bancário que foram autorizados pela Justiça para dar andamento no caso.

PUBLICIDADE


Autor