PUBLICIDADE

Baterista da CPM22 é afastado da banda após ter conversas impróprias com menina menor de idade vazadas

Japinha nasceu em 73 e, hoje, tem 46 anos. No momento das conversas vazadas, ele tinha 36. Ele foi baterista da banda por 21 anos, desde 1999

Uma conta no twitter chamada “Exposed Emo” tem causado rebuliço, especialmente depois de expor conversas de Ricardo Di Roberto, o “Japinha” da CPM22, com menores de idade onde ele tenta mentir a própria idade e faz insinuações.

PUBLICIDADE

Tudo piorou depois que o baterista confirmou, em entrevista ao G1, que as conversas eram verdadeiras mas negou que tivesse “intenção de seduzir”. As postagens no twitter incentivaram relatos de outras mulheres.

As conversas são de 2012, na época Japinha tinha 36 anos e uma das meninas com quem ele conversava tinha 16. Nas mensagens, Japinha diz que é ciumento, pergunta se a menina teria um relacionamento com ele e sugere um encontro.

As mensagens também mostram que a garota queria conhecer a banda, mas se esquiva de algumas investidas, embora peça o número de telefone do baterista. Em um ponto da conversa, Japinha pergunta se a menina é virgem.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Outra conversa, ainda em 2012, mas outro mês, Japinha também tenta mentir a própria idade. Ele afirma ter 21 anos, mas a fã revela saber sua idade e afirma que viu no google, mas ele responde que tem “mais de 18 e menos de 80”.

O caso levantou uma polêmica e o desabafo de muitas pessoas pelas redes sociais. Muitas vítimas, especialmente mulheres, contam que se sentiram assediadas em vários momentos pelos ídolos de suas bandas favoritas.

Em um primeiro momento, Japinha se mostrou confiante de que seu status na banda não seria afetado e de que a CPM22 o apoiaria. No entanto, pelo twitter, a banda confirmou o afastamento do baterista e afirmou que “não compactua com atitudes desrespeitosas” e confirmou que a banda segue.

PUBLICIDADE

Japinha nasceu em 73 e, hoje, tem 46 anos. No momento das conversas vazadas, ele tinha 36. Ele foi baterista da banda por 21 anos, desde 1999. Pelo instagram, ele afirma que abomina qualquer tipo de abuso e desrespeito e pede desculpa pelo “mal-entendido”.

Autor