PUBLICIDADE


Bolsonaro ri ao falar sobre o afastamento do governador Witzel e dispara: ‘O Rio está pegando’

Após a decisão do STJ, o governador do Rio de Janeiro foi afastado, ele é suspeito de desvios na saúde.

Nesta sexta-feira (28), Jair Bolsonaro comentou sobre o afastamento do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel e riu. O que muitos não sabem é que os dois já foram aliados políticos nas eleições de 2018, mas depois acabaram se tornando grandes rivais.

PUBLICIDADE


Suspeito de desviar dinheiro que seria empregado na saúde do Rio de Janeiro, Witzel foi afastado do cargo após decisão tomada pelo STJ – Superior Tribunal de Justiça, após se denunciado pela Procuradoria-Geral da República.

A rivalidade entre Bolsonaro e Witzel ficou mais intensa a partir desse ano, sendo que segundo o presidente, o governador tem intenção de sucedê-lo, candidatando-se nas próximas eleições, que serão em 2022.

Outra curiosidade é que Witzel conseguiu se eleger como governador do Rio, contando com o apoio de Flávio, filho de Jair Bolsonaro, só que depois cortou a relação com ele também.

PUBLICIDADE


Hoje, quando deixou a residência oficial, Jair Bolsonaro se encontrou com alguns apoiadores e disse: “O Rio está pegando, o Rio está pegando hoje. Está sabendo do Rio hoje?“, indagou o presidente.

Quando Witzel foi alvo de buscas e apreensões, Jair Bolsonaro também comentou sobre o caso com os apoiadores e também riu da situação do governador do Rio. Ao todo são 17 mandados de prisão, além de 72 de busca e apreensão. A primeira-dama, Helena Witzel, também foi denunciada.

PUBLICIDADE


Hamilton Mourão, vice-presidente, também falou a respeito e disse que não será fácil para o governador retomar o mandato no Rio de Janeiro, lembrando ainda que Witzel está enfrentando um processo de impeachment.

 

Autor