Dois são mortos e outros cinco ficam feridos em ataque no Canadá; homem com ‘roupas medievais’ estava armado com uma faca

As autoridades do Québec, no Canadá, ainda investigam o que motivou o ataque do último sábado (31).

ANÚNCIOS

As autoridades do Québec, no Canadá, ainda investigam o que motivou o ataque do último sábado (31). Informações internacionais afirmam que um homem de 20 anos, vestido com roupas medievais, atacou outras pessoas armado com uma faca.

O ataque aconteceu próximo a um prédio estatal, o Parlamento Provincial, e o clima era de festa no momento do ataque, já que residentes celebravam o Halloween, famoso feriado na cultura norte-americana. O ataque espalhou pânico.

As autoridades policiais do Québec emitiram comunicado solicitando que os moradores da região permanecessem em suas casas, temendo um novo ataque. A polícia local ainda investiga o caso e não sabe se o caso teve motivações terroristas.

ANÚNCIOS

O Québec é uma região do Canadá que sofre forte influência francesa, inclusive fala-se francês na província. Por conta disso, surgem especulações sobre a possível motivação terrorista do ataque, já que a França vem sendo alvo de ataques nas últimas semanas.

Justin Trudeau, que tem o cargo máximo na política canadense, fez firmes declarações contra os ataques na França. Sobre os criminosos, Justin afirmou que são “odiosos”, além de reforçar que os terroristas não representam o Islã, nem os muçulmanos.

Apesar do clima de pânico, as autoridades canadenses conseguiram prender o suspeito. No ataque, o homem de 20 anos deixou duas pessoas mortas e pelo menos 5 pessoas feridas. Outra possibilidade especulada é a de que o homem tenha sofrido um surto psicótico. Tudo ainda está aguardando confirmação das autoridades.

Foto do autor
Roberta R
Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.

Publicado em: