Eduardo Bolsonaro quer castração química de estupradores, projeto já foi apresentado

Na verdade esta proposta é bem parecida com uma já apresentada por Jair Bolsonaro na época em que era deputado.

ANÚNCIOS

O filho de Jair Bolsonaro apresentou um projeto de lei onde é proposto que haja castração química voluntária de estupradores. O deputado pelo PSL-SP lançou a proposta ontem, mas o texto é bem parecido com a redação do atual presidente.

Jair Bolsonaro chegou a apresentar um projeto assim na época em que era deputado, só que acabou sendo arquivado. Em seu perfil no Twitter, o filho do presidente disse que a proposta é arquivada quando um deputado o apresenta e acaba não sendo reeleito.

Esse projeto chega em um momento de grande polêmica, pois o caso da menina de 10 anos, que engravidou devido aos abusos do tio, acabou se tornando um dos assuntos mais comentados nos últimos dias.

ANÚNCIOS

A Justiça autorizou o aborto, mas como o hospital em Espírito Santo alegou não ter condições técnicas para a realização do procedimento, a criança foi levada para Recife. O procedimento já foi realizado e a menina está se recuperando bem, podendo ter alta hospitalar até amanhã.

Esse projeto de lei que prevê a castração química voluntária no caso de estupradores, apresentado por Eduardo Bolsonaro, seria uma resposta dos bolsonaristas ao caso de menina de 10 anos. Alguns parlamentares evangélicos se uniram a um grupo de religiosos e foram para a porta do hospital tentar impedir a realização do aborto, mas não conseguiram.

Eduardo Bolsonaro alegou que em países desenvolvidos é dado um tratamento rigoroso a abusadores, sendo que em alguns casos os criminosos são condenados até mesmo a prisão perpétua ou pena de morte.

Russel Morais

Aqui você encontra as últimas notícias sobre famosos, novelas, reality, televisão e muito mais. Tem sempre uma matéria nova para você conferir e ficar por dentro de tudo.