Ex-ginasta medalhista, Ana Paula Scheffer, é encontrada morta e família conta detalhes

Aos 31 anos, Ana Paula foi encontrada e trabalhava atualmente como técnica.

Foi encontrada morta nesta sexta-feira, dia 16, a ex-ginasta da seleção brasileira, Ana Paula Scheffer. O corpo estava em sua residência, em Toledo, no Paraná. Ela vinha trabalhando como técnica e tinha 31 anos.

PUBLICIDADE

De acordo com os familiares da ex-ginasta, é quase certo que ela teve um infarto fulminante, mas o caso ainda poderá ser investigado pela polícia. A família disse ao portal G1 que o corpo da jovem foi encontrado na cama de seu quarto hoje, por volta do meio-dia.

Sonia Scheffer, mãe de Ana Paula, foi quem entrou no quarto e se deparou com a filha morta, ficando em choque.

PUBLICIDADE


A mãe da ginasta disse ao G1 que a jovem estava muito feliz em seu emprego, era querida por todos e foi uma filha amorosa, que nunca lhe deu trabalho. Sonia confessou que está sendo um momento difícil e que parece até que está sonhando, mas sabe que “a hora que cair a ficha vai ser difícil“.

PUBLICIDADE


Ainda de acordo com Sônia, apesar do que todos dizem acerca da causa da morte ter sido um infarto, ela e todos os familiares estão aguardando o resultado do exame para terem certeza. Ela contou que não tem explicação, porque a moça estava muito bem de saúde, não reclamava de nada e fazia muitos planos.

O velório será realizado neste sábado, dia 17, em Toledo. O irmão de Ana Paula mora no Canadá, mas está vindo para o Brasil, por isso o enterro deve ser realizado somente no domingo.

Autor