PUBLICIDADE

Família com coronavírus procura desesperadamente uma babá infectada para cuidar de seus filhos

Uma família tem pedido inusitado para a agência de babás.

Uma agência de babás recebeu uma solicitação inusitada em meio a pandemia do novo coronavírus, uma família deseja contratar alguém que tenha coronavírus.

PUBLICIDADE

Este caso inusitado aconteceu em Belo Horizonte, onde uma família com 3 filhos, procurou o serviço de uma mulher que já tenha contraído o vírus ou que esteja com o mesmo.

O motivo deste pedido seria porque todos na casa estão doentes, a família está contaminada com o novo coronavírus.

A agência conta que o pedido requer alguém que trabalhe 24h, onde ela entraria na segunda-feira às 8h e sairia na sexta às 18h da noite. O pedido seria para cuidar de três crianças, nas idades de 10, 5 e 2 anos de idade.

PUBLICIDADE

Os pais das crianças estão em isolamento social e em casa com os filhos, eles querem uma babá para ajudá-los. A família está com sintomas leves da doença, por este motivo querem alguém que já tenha contraído o vírus ou que tenha também sintomas leves e que possa trabalhar.Comentando o caso, o advogado trabalhista, Antônio Queiroz, revelou que o critério desta família na escolha de uma babá é discriminatório. Além disto, eles estão colocando em risco a saúde do trabalhador, pois até o momento, não há estudos que comprovem a imunidade para quem já tenha pego o coronavírus.

O advogado evidencia que as pessoas contaminadas com o vírus devem permanecer em isolamento social, inclusive isto está na Lei do Governo Federal, quem descumprir, poderá ser preso por desobediência.

PUBLICIDADE

Em nota sobre o caso, a empresa de recrutamento de babás informou que em caso de uma contratação, o isolamento social ainda sim seria respeitado, onde a família buscaria a babá em casa e a levaria de volta a residência.

A empresa de babá, por fim, declarou que a contratação não foi concluída para esta família com um pedido pra lá de inusitado.

 

Autor