Guerreiro: recém-nascido encontrado em caixa de papelão testa positivo para Sífilis e precisa passar por delicado tratamento

Um primeiro comunicado apontou que a criança estava em aparente boa saúde, mas exames laboratoriais revelaram que não era bem assim.

Anúncios

O natal dos moradores de Jardim Nova Esperança, Goiânia, foi marcado por uma triste descoberta. Um bebê recém-nascido foi encontrado por moradores, que prestaram os primeiros socorros enquanto aguardavam a chegada do Corpo de Bombeiros.

Apesar da triste descoberta, as pessoas ficaram comovidas com a boa notícia vinda do hospital. Um primeiro comunicado apontou que a criança estava em aparente boa saúde, mas exames laboratoriais revelaram que não era bem assim.

Anúncios

Exames constataram uma alteração no organismo da criança, que acabou apontando o diagnóstico de sífilis. O bebê estava com previsão de alta para o último dia 26, mas precisou ter a internação prolongada. No hospital, a criança recebe tratamento com antibióticos.

O tratamento deve durar 10 dias, de acordo com informações do conselheiro tutelar que acompanha o caso. José Roberto da Silva confirmou ainda que o bebê será levado a uma unidade de acolhimento, o Residencial Professor Niso Prego.

Anúncios

A Polícia Civil investiga o caso, em busca de descobrir possíveis suspeitos e posteriormente detalhes e motivação do crime. A criança foi encontrada em uma caixa de papelão, com frio, leves escoriações e o cordão umbilical ainda preso.

O mais provável para a contaminação da criança foi através de infecção vertical, isto é, através da placenta. O provável é que a mãe da criança estivesse infectada e, por isso, transmitiu a doença ao feto. Sendo assim, o provável é que a criança tenha nascido com a doença.

Foto do autor
Roberta R
Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.

Publicado em: