Menino que denunciou caso de racismo em campeonato infantil finalmente tem motivo especial para voltar a sorrir

A família do menino Luiz Eduardo Bertoldo está finalmente podendo respirar mais aliviada as notícias mais recentes.

Anúncios

A família do menino Luiz Eduardo Bertoldo finalmente está podendo respirar mais aliviada as notícias mais recentes. O menino passou por um grande trauma enquanto defendia o Uberlândia Academy, em um torneio infantil realizado em Goiás, quando enfrentou um episódio de racismo.

O vídeo do menino, de apenas 11 anos, denunciando as agressões em meio às lágrimas, acabou viralizando e trazendo revolta e comoção ao público. No vídeo, ele afirma ter sido ofendido e constrangido pelo técnico do outro time.

Anúncios

Logo depois do episódio, o diretor do time e os pais do menino foram ouvidos pela mídia e relataram que a criança vinha demostrando os sinais da violência sofrida. O diretor afirmou que Luiz Eduardo estava desolado, enquanto os pais destacaram o abatimento da criança.

Agora, de acordo com a mãe, Luiz Eduardo está enfim retomando a rotina na cidade de origem e voltando a sorrir. Vanessa Bertoldo afirma que o episódio não foi completamente deixado para trás, mas ele está melhorando.

Anúncios

Naturalmente, a família está empolgada para a realização de um teste no Santos. Eles vão viajar para conhecer o CT do clube antes do teste, que está marcado para janeiro. O convite foi feito diretamente pelo clube santista.

Vanessa Bertoldo conta que o filho pediu para brincar com os amigos, o que foi um motivo de grande alegria, já que ele não tinha feito isso ainda desde que voltou para casa. Luiz Eduardo vai fazer 12 anos de idade em março.

Foto do autor
Roberta R
Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.

Publicado em: