PUBLICIDADE


Polícia procura pastor evangélico identificado como suspeito de roubo em igreja católica; R$50 mil foram levados

A família do pastor foi capaz de reconhecê-lo nas imagens de sistema interno de segurança da paróquia. A polícia agora tenta localizar o suspeito.

Uma investigação foi aberta pela Polícia Civil para apurar um roubo praticado em Santo Amaro, SP, contra a Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus. Cerca de R$50 mil foram levados, depois que uma das janelas da paróquia foi arrombada.

PUBLICIDADE


De acordo com investigações preliminares da polícia, o responsável pelo roubo é um pastor evangélico da região. A família do pastor foi capaz de reconhecê-lo nas imagens do sistema interno de segurança da paróquia. A polícia agora tenta localizar o suspeito.

Para a preservação da privacidade e segurança dos familiares do suspeito, o nome dele não foi divulgado. A família afirma que o homem é dependente químico e oscilava entre o uso das drogas e a manutenção de uma igreja evangélica, onde é pastor.

Familiares contam ainda que o homem foi visto pela última vez antes do roubo e não foi mais localizado. O padre da Paróquia, Marcos Miranda, lamentou o ocorrido e informou que o dinheiro seria usado para pagamento dos funcionários da igreja bem como da reforma no telhado.

PUBLICIDADE


Além dos R$50 mil, o homem também conseguiu arrombar as urnas de doação que eram mantidas no escritório. O padre informou que o dinheiro ainda não havia sido contabilizado, mas que geralmente é de cerca de R$1,5 mil, em média.

O padre ainda demonstrou que não tem esperanças em recuperar o dinheiro, mas que espera justiça. O padre ainda defendeu o trabalho realizado pela Paróquia na região, que é bastante carente em sua avaliação.

PUBLICIDADE


Autor