Por causa da Covid-19, Austrália decreta estado de desastre; pessoas que desrespeitarem medidas de restrição poderão ser multadas e presas

Além do toque de recolher, entrará em vigor o estado de desastre por seis semanas.

ANÚNCIOS

A Austrália recentemente reforçou as medidas de restrições, implementou o toque de recolher das 20h às 5h, e todo cidadão que desrespeitar as normas impostas pelo governo poderá ser multado e preso.

O governo do estado de Victoria, na Austrália, anunciou no dia (2) as medidas de restrições para combater a propagação da covid-19 na região. O país está enfrentando a segunda onda da infecção e tem crescido grandemente o número de infectados.

Além do toque de recolher, entrará em vigor o estado de desastre por seis semanas, que irá até o dia 13 do mês de setembro. Daniel Andrews, chefe do governo, falou em entrevista coletiva que, na última semana, sete pessoas morreram nas últimas 24 horas e mais de 600 foram infectadas pelo novo coronavírus.

ANÚNCIOS

Os novos casos que estão surgindo são infecções locais, isso preocupa as autoridades porque não são conhecidas, por isso têm aplicado medidas drásticas para não perder o controle da situação. Se não tomarem essas medidas agora, muitas pessoas poderão morrer.

Andrews afirma que o estado de desastre é uma situação emergencial, que concede poder ao político para que este possa punir devidamente aqueles que ignorem o toque de recolher.

Essas atitudes do governo evitam infecções e milhares de pessoas de serem hospitalizadas, além das restrições é obrigatório o uso de máscaras e o distanciamento social.

Os casos em Victoria representam 60% do total dos contágios de coronavírus, com a expansão destes, a situação na região ficou preocupante.

Cláudia LM

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.