in ,

Prefeito Rodrigo Neves apela responsabilidade da população, divulga imagens de hospitais e afirma “não é mentira”

Uma das medidas adotadas pelo prefeito Rodrigo Neves em combate ao covid-19 é a transparência através de boletins diários sobre o número de casos e as medidas da prefeitura. Em entrevista concedida através das redes sociais, Rodrigo Neves apelou para a consciência dos habitantes de Niterói e falou abertamente sobre a situação dos hospitais frente ao coronavírus.

Segundo o prefeito, pelo menos 90 pessoas procuraram as unidades de saúde em busca de atendimento e precisaram ser internadas. Mesmo com todos os investimentos feitos, o sistema de saúde da cidade pode não ser suficiente para absorver todos os casos e isso, em última análise, pode significar casos de vida ou morte.

Ainda durante a transmissão, Neves apelou para os moradores de Niterói dizendo: “não espere acontecer com alguém da sua família”. A medida gerou muitas reações na internet, onde muitas pessoas concordam com o prefeito, mas outras ainda acreditam que o caso esta sendo exagerado. Para essas pessoas, que seguem duvidando da letalidade do vírus, Neves divulgou fotos tiradas de dentro das unidades de tratamento intensivo do Hospital Carlos Tortelly, apontado como referência no combate ao covid-19.

O prefeito Rodrigo Neves tem usado constantemente suas contas nas redes sociais para rebater a disseminação de notícias falsas. Uma das principais notícias que circulam em aplicativos de mensagens e redes sociais em Niterói da conta de que os hospitais não estão lotados e que as mortes atribuídas a coronavírus, na verdade, seriam por outros motivos.

O prefeito, assim como canais oficiais da prefeitura, apostam em transparência no combate dessas notícias falsas. Em grande parte, a conscientização é a única forma de garantir que as pessoas adotem as medidas de segurança determinadas pelo decreto municipal. A fiscalização ajuda, mas a conscientização garante.

Outro anuncio feito pelo prefeito, em sua conta do Twitter, informa que a Prefeitura esta unindo forças a Universidade Federal Fluminense para a contratação de pessoal para o Hospital Universitário Antônio Pedro possa abrir mais leitos no combate ao covid-19. O hospital vem enfrentando grande dificuldade financeira com os constantes cortes de verba do governo federal.

Escrito por Roberta Reis

Procuro dar preferência a redação de notícias políticas, sociais, curiosidades, casos inusitados e notícias positivas.

Moradores de várias regiões de Niterói dão show de solidariedade em meio a pandemia

Fórum Sindical e Popular de Niterói realiza campanha para a produção de 360 cestas básicas para população vulnerável