Rússia está se planejando para lançar segunda vacina contra o coronavírus até outubro

A vacina está sendo desenvolvida pelo Centro Estatal Russo de Pesquisa em Virologia e Biotecnologia, que também está responsável pela condução dos testes.

ANÚNCIOS

A Rússia fez história sendo responsável pela primeira vacina contra o coronavírus e agora pretende ampliar ainda mais a conquista científica. Apesar de toda a desconfiança internacional, o país se prepara para o lançamento da segunda vacina.

De acordo com a vice-primeira-ministra do país, Tatiana Golikova, a Rússia está finalizando a segunda fase de testes da segunda vacina e pretende disponibilizá-la a partir de outubro deste ano. As informações são da agência Reuters.

Ainda de acordo com as informações, Golikova teria transmitido os bons resultados ao presidente Putin. De acordo com a vice-primeira-ministra, a vacina teria tido bons resultados e demostrado segurança na fase de testes realizada até aqui.

ANÚNCIOS

A vacina está sendo desenvolvida pelo Centro Estatal Russo de Pesquisa em Virologia e Biotecnologia, que também está responsável pela condução dos testes. De acordo com a OMS, o Centro estudava 6 vacinas em julho deste ano.

A Rússia já é responsável pela primeira vacina do mundo formalmente lançada e registrada. A vacina foi batizada em homenagem ao primeiro satélite russo, mas gera desconfiança internacional especialmente porque o país não compartilhou os dados da pesquisa.

Alheio as desconfianças, o governo russo planeja a segunda vacina para ser lançada até outubro deste ano. O avanço das pesquisas, no entanto, novamente não está sendo compartilhado com a comunidade científica internacional.

Quando anunciou a vacina, Putin chegou a afirmar que uma das filhas havia participado das primeiras aplicações da dose imunizadora.

Foto do autor
Roberta R
Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.

Publicado em: