Saidinha de Natal: Suzane von Richthofen deixa a prisão para curtir as festas de fim de ano

O benefício em São Paulo foi suspenso no mês de março devido à pandemia causada pela Covid-19.

Anúncios

Condenada por matar os pais, Suzane von Richthofen teve direito à “saidinha” de Natal e também Ano Novo. Ela deixou a prisão nesta terça-feira (22), podendo ficar em liberdade até o início de janeiro, pois deverá retornar ao presídio somente no dia 5.

Suzane cumpre pena na Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé, São Paulo e esse ano essa foi a única vez que ela e os demais presos em regime semiaberto puderam contar com a saída temporária.

Anúncios

Por causa da pandemia causada pelo novo coronavírus, esse benefício foi suspenso, inclusive houve rebeliões na época, pois os presos não concordaram com tal decisão.

Suzane von Richthofen saiu da P1 feminina logo no início da manhã de hoje, acompanhada de outras detentas. Ela estava usando máscara de proteção facial e foi recebida por uma mulher logo na saída, as duas entraram em um carro e foram embora sem conversar com os jornalistas.

Anúncios

A progressão para o regime semiaberto foi obtido por Suzane em outubro de 2015, mas só no ano seguinte ela foi beneficiada na época da Páscoa. Anna Carolina Jatobá, Elize Matsunaga, entre outras presas, também puderam deixar o presídio hoje para aproveitarem as festas de final de ano.

Em todo estado de São Paulo, os detentos poderão ficar 15 dias em liberdade durante esse período de Natal e Ano Novo, sendo que nos anos anteriores eram 10 dias. A decisão foi estabelecida pelos juízes do Deecrim.

Foto do autor
Russel Morais
Aqui você encontra as últimas notícias sobre famosos, novelas, reality, televisão e muito mais. Tem sempre uma matéria nova para você conferir e ficar por dentro de tudo.

Publicado em: