PUBLICIDADE

Samantha Schmutz volta atrás e afirma que errou: ‘estava chateada’

Samantha tem chamado bastante a atenção nas redes sociais.

Samantha Schmutz foi uma das celebridades que mais publicamente lamentou a morte do ator e humorista Paulo Gustavo. Ela, que era amiga do ator, decidiu mudar sua postura e tem cobrado que outros artistas façam o mesmo, que se posicionem politicamente.

PUBLICIDADE

A morte do ator, conforme defende Samantha, foi uma das tantas milhares que poderiam ter sido evitadas caso o governo tivesse investido em vacina. Por isso, o assunto se tornou político para a atriz desde então.

Em entrevista ao O Globo, Schmutz abordou alguns desses temas e não fugiu de questões polêmicas. Pelas redes sociais, logo após a morte do ator, Samantha chegou a concordar com alguns comentários e “curtiu” uma crítica direcionada a outras atrizes, como Bruna Marquezine e Deborah Secco, sobre “continuarem fazendo suas dancinhas no tik tok”.

Revisitando esse momento, Schmutz reconheceu que agiu na hora da emoção e afirma ter se arrependido do comentário. “Estava muito chateada quando falei aquilo sobre a Deborah; a morte do Paulo estava muito recente. Eu errei, não foi legal. Não deveria ter feito”, afirmou.

PUBLICIDADE

Ao O Globo, Samantha afirmou que espera ter a chance de falar pessoalmente com a atriz e acertar as coisas. “Não desejo que isso vire uma grande coisa“, afirmou.

Samantha falou sobre a morte de Paulo Gustavo e afirmou que ainda chora todos os dias com a perda. Para a atriz, Paulo concentrava um símbolo muito grande de alegria. “Paulo levou a metade da alegria do Brasil“, lamentou.

PUBLICIDADE

Autor