in , ,

Sequelas deixadas pela Covid-19 tem se tornado uma ameaça para os curados da doença e vão desde mofo no pulmão a infecção no coração

Uma semana após o presidente anunciar que estava curado da covid-19, disse que sentiu fraquezas e precisou tomar antibióticos para combater uma infecção no pulmão.

Bolsonaro brincou em uma Live, que depois de 20 dias em casa aparecem muitos problemas, disse que pegou mofo no pulmão, as informações a respeito dos problemas de saúde de Jair Bolsonaro não são certas ainda, se a infecção seria a consequência da covid-19.

Mas este problema não aconteceu somente com o presidente,os sintomas tem levantado um debate sobre os recuperados do coronavírus, mesmo que ele tenha vencido a doença é possível observar que o coronavírus pode provocar sequelas após a cura.

As pessoas apresentam problemas decorrentes da doença, isso significa que o paciente recuperado pode voltar à vida normal, mas pode ser enganoso, após sair do hospital e vencer a doença pode aparecer muitos outros problemas decorrentes do vírus.

Estudos apontam um lado assustador da recuperação dos pacientes da covid-19, estes tem mostrado um tipo de anomalia no coração, pode ser uma inflamação no coração que causa deficiências. O vírus pode afetar o coração e também causar problemas pulmonares, perda de paladar e olfato.

Cientistas estão pesquisando o que o vírus pode causar no cérebro, como coágulos e inflamações que causam derrame. Segundo o estudo mais de 80% das pessoas que venceram a doença reclamaram posteriormente de problemas, seja de fadiga, falta de ar e até dor no peito.

Após serem curados do coronavírus, quase 50% dos pacientes afirmaram ter uma piora na qualidade de vida.

 

Escrito por Cláudia LM

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.