PUBLICIDADE


Incrível: aplicativo permite conversar com pessoas que já morreram

A tecnologia avança e continua surpreendendo com as possibilidades que vão surgindo.

Muitas pessoas querem deixar uma lembrança para os filhos, netos e até amigos. Por isso, chegam a escrever cartas ou gravarem vídeos, que podem ser vistos somente após a morte do mesmo. Entretanto, a tecnologia trouxe uma nova possibilidade.

PUBLICIDADE


Um novo projeto pretende criar um perfil virtual que funcionará como se fosse o falecido, pois uma inteligência artificial tentará reproduzir a personalidade daquele indivíduo que veio a óbito. Assim, poderão interagir com os familiares e amigos.

Esse projeto foi batizado de Legathum e o aplicativo que usa inteligência artificial cria uma versão virtual do falecido. A pessoa, ainda viva, deverá compartilhar com a plataforma suas memórias, o que aprendeu em sua vida, contar algumas de suas histórias, casos da infância, da juventude, falar sobre o tempo da escola, casamento, amizades, viagens marcantes e tudo mais que recordar.

O Legathum captará tudo isso e criará um perfil do usuário. Quando este indivíduo morrer, os familiares e amigos poderão ‘conversar’ com ela através do aplicativo e saber quais foram os momentos mais marcantes de sua vida, o que ele pensava sobre determinados assuntos e assim por diante.

PUBLICIDADE


Quem criar o perfil definirá quem poderá acessar seus dados após o falecimento. A plataforma armazenará fotos, vídeos, áudios e assim criará um histórico da vida desse indivíduo.

Os familiares e amigos poderão até fazer uma chamada de vídeo com a pessoa e interagir com ela, pois a inteligência artificial se passará pelo falecido.

PUBLICIDADE


Autor