PUBLICIDADE


Youtuber que pediu ajuda do governo compra casa avaliada em R$ 14 milhões e é massacrada de críticas

A influencer, que tem 30 anos, fechou contratos com grandes marcas como Spotify e também BMW. Os valores não foram publicamente divulgados.

A vida da jovem Zoe Sugg, conhecida como Zoella, acabou ficando um pouco mais complicada depois que detalhes de sua vida pessoal foram publicados pelo tabloide Daily Mail, um portal amplo e bastante conhecido no Reino Unido.

PUBLICIDADE


Há cerca de uma semana atrás, saíram notícias de que a jovem teria recorrido a um programa do governo britânico para pagar o salário de sua gerente. O programa oferecia ajuda parcial no pagamento de funcionários durante a pandemia, com objetivo de evitar demissões.

Acontece que a youtuber conseguiu o benefício mas também comprou uma casa avaliada em R$ 14 milhões. A influencer, que tem 30 anos, tem contratos com grandes marcas como Spotify e também BMW. Os valores não foram publicamente divulgados.

No entanto, enquanto ganhava o benefício do governo ela fez a compra da casa. O caso gerou revolta no país. Até mesmo parlamentares ingleses se manifestaram, chamando de “ultrajante” a atitude da jovem.

PUBLICIDADE


Uma outra pessoa, que não quis se identificar, também falou ao portal e defendeu o programa mas fez ressalvas. A pessoa afirmou que Zoella deveria devolver o dinheiro ao governo, já que o auxílio visava empresários e comerciantes que estivesse com baixa nos negócios.

A jovem tem mais de 10 milhões de seguidores nas redes sociais é fundadora de empresas e fecha parcerias com marcas para promoção em suas plataformas. Zoella ainda não se manifestou sobre o caso diretamente mas vem sendo alvo de críticas.

PUBLICIDADE


Autor