PUBLICIDADE


‘Fui me indignando’: afirma mulher que quebrou obra de Romero Britto; ela conta que não pretendia quebrar a obra

Vídeo foi gravado em 2017, mas só agora foi divulgado. A empresária, dona do restaurante onde Britto supostamente agiu de forma grosseira, é venezuelana.

Dias atrás, o maior assunto da internet brasileira (e em outras partes do mundo) era Romero Britto e a surpresa de assistir uma de suas obras sendo quebrada, bem diante de seus olhos. Por muito tempo, ninguém havia conseguido contato com a mulher que aparece nas imagens.

PUBLICIDADE


Já se sabia muito sobre ela, os bastidores da história e o porquê de sua atitude, mas ninguém havia conseguido contato real com ela. Agora isso mudou. Madeleyne Sanchez enfim foi localizada e falou sobre o assunto.

Antes, Romero já havia se manifestado sobre o assunto, afirmando que o vídeo é de 2017 e negando que tenha desrespeitado funcionários do restaurante comandado pela empresária. Sanchez, por sua vez, sustenta sua versão dos fatos.

Ela conta que naquele dia, Romero estava encontrando fãs para assinar obras e tirar fotos, o chamado “meet & greet”. Ao se deparar com sua equipe cabisbaixa e ouvir que Britto havia estado no restaurante e sido rude com eles, ela então tomou uma atitude.

PUBLICIDADE


Quatro meses antes, ela havia ganho a obra de presente do marido. Naquele dia, ela buscou a peça e se dirigiu a galeria. Ela conta que não havia planejado quebrar a peça na frente do artista, mas que foi se “indignando” até tomar a atitude brusca.

Madeleyne, que é venezuelana, confirmou que o caso aconteceu em 2017. O vídeo foi filmado por uma funcionária da galeria que apenas agora decidiu divulgar, através do Tik Tok, alcançando milhões de visualizações.

PUBLICIDADE


Sanchez percebe a mudança depois que seu restaurante fez sucesso. A busca por brasileiros aumentou, assim como os números nas redes sociais, e ela agradece o carinho que tem recebido.

Assista ao vídeo:

https://www.instagram.com/p/CD_2Hf8ABq0/

 

PUBLICIDADE


 

Autor